Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alinhamentos

alinhamentos

Ter | 25.09.18

O que andei a ler?

fcrocha

20180925-DSC_0015_1.jpg

 

“Grandes Esperanças” de Charles Dickens. É a história de Pip – um menino órfão e pobre que vive no campo. Pip vive com a irmã e o marido dela, Joe, que é ferreiro e o seu melhor amigo. Pip gosta de passear pelo cemitério local e ler o que consegue entender das frases nos túmulos.

 

Na véspera do Natal de 1812, enquanto faz o seu mórbido passeio, Pip encontra um preso que fugiu do navio prisional (os presos eram levados para a colónia penal na Austrália). O preso ameaça-o para o convencer a trazer algo para comer. Pip rouba algumas coisas da dispensa da irmã para entregar ao condenado, que logo é preso novamente. A partir daqui a vida de Pip muda completamente.

 

Este livro é uma lição sobre as expectativas que criamos, sobre a ideia de que a vida dos outros é sempre mais fácil do que a nossa, sobre a ideia de que se pudéssemos ter o que outro tem, tudo seria diferente. Este livro fala-nos dos dias que gastamos a sonhar com a vida de outra pessoa, sem nos apercebermos que a nossa própria vida vai passando.

 

Embora “Grandes Esperanças” seja um clássico, Charles Dickens é um escritor que poderia ter existido ontem. O livro flui de forma muito natural, com uma escrita que é leve, cheia de momentos divertidos ou, no mínimo, irónicos.