Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

alinhamentos

alinhamentos

Dom | 30.12.12

A sério?

fcrocha

“Por isso, e porque sou fiel às tradições, não quero, por enquanto, contribuir para contaminar a nossa passagem de ano com querelas inúteis ou reações a provocações mentirosas, por mais ampla que seja a cobertura de alguma imprensa ao estertor político de quem, tendo subido ao olimpo ajudado por tantos de nós, enfrenta, agora, a impossibilidade legal de se voltar a candidatar à presidência da Câmara Municipal nas eleições do próximo ano.

Tocado pela generosidade do Natal, limito-me a apelar aos Penafidelenses que o ajudemos a acabar o mandato com dignidade.” In Mário Magalhães, deputado da AR, em 29/12/2012.

 

Este recado dirigido a Alberto Santos está relacionado com uma notícia do VERDADEIRO OLHAR, onde o presidente da Câmara Municipal de Penafiel e os documentos que citamos desmentem o deputado. O texto está adequado à quadra festiva, mas o Jaquim que escreve os textos do deputado tem que começar a escrever coisas mais simples. Corre o risco de nem ele próprio os compreender.

 

Já agora, “estertor” é o momento que antecede a morte. Afinal, quem é o exânime nesta história?

 

Nota: “exânime” quer dizer moribundo. Foi só para me armar.

 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.