Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

alinhamentos

alinhamentos

Seg | 03.09.12

Há males que vêm por bem.

fcrocha

Admito que faço parte daqueles que nunca tinha ouvido falar do fresco Ecce Homo, de Elías Garcia Martinez, até que a senhora Cecília Giménez resolveu restaura-lo. Também nunca me tinha apercebido da existência do Santuário da Misericórdia, em Borja, Saragoça.

Isto para dizer que, depois da operação de restauro instantâneo (levou apenas duas horas) que a velhinha de 80 anos fez, o fresco que era desconhecido e que não tinha quase qualquer valor, passou a ser conhecido em quase todo o mundo e ganhou um enorme valor.

Cecília Giménez fê-lo por amor. É certo que o resultado não foi o melhor (para não dizer desastroso), mas fê-lo por amor à Virgem. O certo é que os habitantes de Borja acreditam que esta velhinha fez um grande milagre: o reitor do santuário afirma que nunca tiveram tantas visitas; Os comerciantes dizem que desde o restauro do Ecce Homo que são milhares e milhares de pessoas a visitar a pequena localidade. Há males que vêm por bem.