Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

alinhamentos

alinhamentos

Sex | 04.05.12

Tenha cuidado!

fcrocha

Na semana passada, um prestigiado jornal alemão publicou uma notícia que nos deve deixar preocupados. Segundo esse jornal, os idosos fogem da Holanda com medo da eutanásia. (Não, não me enganei a escrever o nome do país. Não é a Coreia do Norte ou a China, é mesmo a Holanda, aquele país do norte da Europa) Inclusive, há um asilo alemão que se converteu num abrigo para idosos holandeses que têm medo de serem vítimas de eutanásia a pedido da própria família. Com a liberalização desta prática assassina, há médicos que propõem a eutanásia (leia-se: matar o doente) para pacientes crónicos com diabetes, com esclerose múltipla, SIDA ou cancro. O medo é tanto que há idosos que transportam consigo junto com os documentos um cartão a dizer “não me matem”.

 

O mais grave é que o medo que os idosos holandeses (para os holandeses uma pessoa com mais de 60 anos é idoso!) sentem tem fundamento. Uma análise feita pela Universidade de Göttingen de sete mil casos de eutanásia praticados na Holanda justifica o medo de idosos de terem a sua vida abreviada a pedido de familiares. Em 41 por cento destes casos, o desejo de antecipar a morte do paciente foi da sua família. 14 por cento das vítimas eram totalmente conscientes e capacitados até para responder por eventuais crimes na Justiça. Ou seja quase metade dos casos de eutanásia foi provocada pelos familiares. O mesmo estudo revela que muitas das pessoas com mais de 60 anos não têm confiança nos médicos e acham que a família pode ser uma ameaça para a sua vida no caso de ficarem doentes.

 

Tudo isto está a fazer com que muitos holandeses estejam a optar por passar a velhice do outro lado da fronteira. Por isso, se tem mais de 60 anos e está a pensar ir passear até à Holanda (não certifique-se que não lhe acontece nada de grave. Se for parar ao hospital por causa de um problema grave de saúde corre o risco de morrer da cura.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.