Sexta-feira, 20 de Agosto de 2010

Um Estado insosso

Só num país como o nosso é que é possível o Estado regular a quantidade de sal no pão. Sim, só num país como o nosso, porque não há mais nenhum estado civilizado com uma lei destas. Não quero com isto dizer que menos sal no pão seja uma coisa errada. Só que em vez de limitar a liberdade dos cidadãos, o Estado deveria preocupar-se em rotular o pão para dar a conhecer a quantidade de sal. Assim, quem quiser pode escolher entre o pão dito normal ou o pão insosso. O Estado tem que respeitar a liberdade de escolha dos consumidores. Se os deputados querem comer pão sem sal, façam o favor. Na padaria do meu prédio há pelo menos uma dezena de variedades diferentes de pão. O que os deputados não podem é definir a quantidade sal da minha comida.

Há coisas que não compreendo: Porque é que o Estado se preocupa com o sal que o meu pão tem e não se preocupa com o sal das batatas fritas do McDonald’s? Parece-me que cada pacote daquelas batatas deve ter mais sal do que o pão que eu como durante um ano. Como é possível o Estado estar preocupado com o sal do pão, mas não se preocupar com a máquina de chocolates e refrigerantes que existe na escola do meu filho? E o bacalhau que vou comer no Natal, vou ter que o pôr de molho por altura do S. Martinho?

 

Estado paternalista. A cada dia que passa, aumenta a dimensão tutelar e paternalista do Estado: condiciona, controla, orienta, limita e pressiona as escolhas de cada um. Um Estado que, abusando intencionalmente, define que tipo de educação a dar aos nossos filhos, sem que possamos intervir; um Estado que quer saber porque é que um pai deu dinheiro a um filho; um Estado que regula os namoros e casa à força um casal que viva em união de facto há dois anos. O Estado é cada vez mais interventor e impede as pessoas de viverem livremente. Eu acredito numa sociedade onde os cidadãos são livres, autónomos e senhores do seu destino. Com regras, mas sem a tutela paternalista e autoritária.

alinhado por fcrocha às 18:30

mais sobre mim

Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
18
19
22

pesquisar

 

comentários recentes

  • Se não constava de nenhum programa eleitoral o par...
  • “Quando os homens já não acreditam em Deus, isso n...
  • Concordo, mas o grave mesmo é que grande parte das...
  • É um bolo tradicional de Penafiel. É muito bom!
  • Não conhecia tais bolinhos!