Sábado, 16 de Fevereiro de 2013

Obrigado!

 

Confesso que a minha primeira reacção à decisão do Papa Bento XVI em resignar foi de choque. Bolas, não estava nada à espera... Talvez por egoísmo, durante algumas horas fui invadido por um sentimento de tristeza.

 

Umas horas depois, ouvi a jornalista Aura Miguel, que tem acompanhado o Santo Padre nas suas viagens pastorais, a contar que, na visita ao México, a viagem durou 14 horas e que quando lá chegaram iam derreados, de tal forma que ela e os colegas jornalistas seguiram directamente para o hotel, para descansarem. No entanto, o Santo Padre, como é chefe de Estado, ficou no aeroporto a receber honras militares e ainda fez uma viagem de quase 40 quilómetros no “Papamóvel”. Só conseguiu descansar perto das 4h da manhã, hora de Roma. Aí compreendi um pouco melhor os motivos do Papa: falta de forças físicas para exercer perfeitamente a função papal. Afinal, o Papa tem quase 86 anos.

 

Até agora, conheci dois Papas: João Paulo II e Bento XVI. O primeiro, tive a graça de estar com ele em Roma, por altura da canonização de São Josemaria Escrivá. O segundo, estive com ele na cidade do Porto. Nesse dia senti-me atraído pela sua simplicidade, pela sua humildade e pela sua timidez. Nessa altura, Bento XVI conquistou os portugueses e não foi com a teologia, foi com a sua fé autêntica e com o seu amor por nós. Por isso, o meu sentimento de tristeza transformou-se em agradecimento.

 

Estou muito agradecido a Deus por nos ter dado este Papa de uma admirável inteligência, profundas capacidade teológicas e de uma profunda fé. Um Papa que, durante o seu pontificado, teve a coragem de nunca fugir às adversidades e fez um esforço de renovação na Igreja sem deixar de ser fiel a Cristo.

 

Porque o Santo Padre ama mais a Igreja do que eu e é mais inteligente do que eu, estou certo de que tomou a decisão de resignar com grande sabedoria, ponderação e, acima de tudo, porque ama muito a Igreja. E essa certeza basta-me para compreender a sua decisão.

 

Obrigado, Santo Padre!

alinhado por fcrocha às 20:50
Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2013

O texto da renúncia d...

"Queridísimos hermanos, Os he convocado a este Consistorio, no sólo para las tres causas de canonización, sino tamb...

alinhado por fcrocha às 11:55
tags:
Terça-feira, 30 de Outubro de 2012

Direito a não emigrar

Ontem, o Papa Bento XVI defendeu o “direito a não emigrar”. É certo que até agora se falava muito no direito a poder emi...

alinhado por fcrocha às 21:26
tags:
Sábado, 15 de Maio de 2010

Bento XVI no Porto

"A recepção foi enorme e calorosa, e também superior às previsões dos organizadores. O Papa ficou muito impressionado, m...

alinhado por fcrocha às 15:19
Segunda-feira, 03 de Maio de 2010

Despertar do comodismo

O texto que se segue, e que partilho aqui, é da jornalista Aura Miguel. Vale a pena ler! Despertar do comodismo N...

alinhado por fcrocha às 11:01
tags:
Terça-feira, 27 de Abril de 2010

A atitude de Rui Rio ...

O Presidente da Câmara Municipal do Porto tem tratado da visita do Santo Padre Bento XVI à cidade do Porto da forma mais...

alinhado por fcrocha às 20:24

mais sobre mim

Dezembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
24
26
27
28
29
30
31

pesquisar

 

comentários recentes

  • Concordo plenamente com as criticas aqui apresenta...
  • Já não erraram tudo!
  • Aconselho a leitura deste texto.https://www.facebo...
  • Devo dizer que concordo com o artigo, excepto a qu...
  • Pense apenas em duas coisas: 1ª todos falam da TAP...

mais comentados