Segunda-feira, 18 de Abril de 2016

O sexo dos anjos

Estive fora por estes dias e completamente desligado das notícias do burgo. Quando cheguei, descobri que a mais recente polémica nacional estava relacionada com o Cartão do Cidadão. Pelos vistos, parece que o Bloco de Esquerda considera que o nome do documento tem “uma linguagem sexista”. Por isso, quer chamar-lhe Cartão da Cidadania.

Comentei isto com um amigo que me disse: “Sabes quanto custa trocar 10 milhões de Cartões de Cidadão?”. Quero lá saber. Estou preocupado é com os 15 euros que paguei pelo meu há dois meses e com o tempo que passei na fila para o renovar.

Num país em que as exportações caem a pique, em que as entidades internacionais prevêem que a economia cresça menos do que o esperado, onde um ministro passa revista às tropas sem gravata e onde outro ameaçou colunistas de jornais com um par de bofetadas, o que é verdadeiramente importante para o Bloco de Esquerda é a linguagem sexista do documento.

Mas, ao enveredar por este caminho, o BE vai ter muito trabalho. Quando os deputados se dirigirem aos colegas dizendo “senhores deputados” vão ter um problema: e as deputadas? E como se vai chamar a Ordem dos Médicos? Não há médicas? E as advogadas, não têm direito a uma Ordem? E nas escolas, vão passar a existir reuniões de pais e reuniões de mães?

Há propostas que ultrapassam todos os limites da patetice.

alinhado por fcrocha às 19:02

mais sobre mim

Abril 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29

pesquisar

 

comentários recentes

  • Concordo plenamente com as criticas aqui apresenta...
  • Já não erraram tudo!
  • Aconselho a leitura deste texto.https://www.facebo...
  • Devo dizer que concordo com o artigo, excepto a qu...
  • Pense apenas em duas coisas: 1ª todos falam da TAP...