Terça-feira, 06 de Novembro de 2012

Um olho no burro, outro no cigano

O presidente do banco central grego, George Propovopoulos, decidiu baixar o seu vencimento em 30 por cento como sinal de solidariedade com o povo do seu país. Recorde-se que o senhor já em 2009 tinha reduzido o seu vencimento em 20 por cento, sobrando-lhe agora qualquer coisa como 7.716 euros por mês.

 

É verdade que isto não resolve os problemas financeiros da Grécia, mas é um sinal de solidariedade e ânimo para o povo grego.

 

Por cá, o actual governado do Banco de Portugal ganha 17.500 euros mensais. Para se ter uma noção da realidade, digo-vos que, por ano, são 70 mil euros a mais do que ganha o presidente da Reserva Federal Americana. Às tantas, para facilitar a compreensão destes números, é prudente lembrar que o Banco de Portugal não tem qualquer influência na política monetária nacional e que a população portuguesa é tanta como a do estado do Michigan.

alinhado por fcrocha às 16:43
tags:

mais sobre mim

Novembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
15
16
17
18
19
20
22
23
24
29
30

pesquisar

 

comentários recentes

  • Concordo plenamente com as criticas aqui apresenta...
  • Já não erraram tudo!
  • Aconselho a leitura deste texto.https://www.facebo...
  • Devo dizer que concordo com o artigo, excepto a qu...
  • Pense apenas em duas coisas: 1ª todos falam da TAP...