Sábado, 05 de Junho de 2010

Lombardia (Itália) ajuda mães grávidas em dificuldades

O presidente da região da Lombardia (norte de Itália), Roberto Formigoni, anunciou que o governo local pretende oferecer cinco mil euros às mulheres grávidas que desistam de abortar.

 

Para receber o dinheiro, que será pago ao longo de 18 meses, as mulheres terão de provar que enfrentam problemas financeiros.

 

Formigoni, que é católico, disse que nenhuma mulher na Lombardia deveria interromper uma gravidez por causa de dificuldades económicas.

 

A notícia foi divulgada ontem pela BBC e refere ainda que o número de abortos na Itália tem diminuído todos os anos.

 

 

alinhado por fcrocha às 09:22

mais sobre mim

Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
16
17
22
24
27
29

pesquisar

 

comentários recentes

  • Concordo plenamente com as criticas aqui apresenta...
  • Já não erraram tudo!
  • Aconselho a leitura deste texto.https://www.facebo...
  • Devo dizer que concordo com o artigo, excepto a qu...
  • Pense apenas em duas coisas: 1ª todos falam da TAP...

subscrever feeds