Sábado, 23 de Fevereiro de 2013

Vá-se lá perceber os políticos

Nos últimos tempos tenho ouvido os autarcas do Vale do Sousa a reivindicarem do Governo mais atenção para esta região. Alguns deles chegam mesmo a equiparar este território ao “novo Vale do Ave”. Basta ver as afirmações do Presidente da Câmara de Paredes à SIC, numa reportagem sobre a falência das empresas deste concelho, ou os depoimentos de Pedro Pinto e Jorge Magalhães, autarcas de Paços de Ferreira e Lousada, a quando da introdução de portagens nas antigas SCUT. Há umas semanas, foi conhecida uma parte do estudo “Os Municípios e a Qualidade de Vida”, elaborado pela Universidade da Beira Interior. Segundo a UBI, a generalidade dos concelhos desta região surge no fundo desta tabela. Não era de esperar outra coisa de um território onde, em pleno século XXI, a maioria dos seus habitantes não tem acesso, por exemplo, ao saneamento básico. O que é de estranhar é a recção destes autarcas – alguns, até prometeram processar judicialmente a Universidade. Em vez de utilizarem o estudo para provarem ao Governo que têm razão quando reclamam mais atenção para a região, talvez porque estamos em ano de eleições, os presidentes de Câmara disparatam a tentar descredibilizar o estudo e a “dourar a pílula”.

 

alinhado por fcrocha às 11:10

mais sobre mim

Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
15
18
19
22
24

pesquisar

 

comentários recentes

  • Concordo plenamente com as criticas aqui apresenta...
  • Já não erraram tudo!
  • Aconselho a leitura deste texto.https://www.facebo...
  • Devo dizer que concordo com o artigo, excepto a qu...
  • Pense apenas em duas coisas: 1ª todos falam da TAP...